sábado, maio 27, 2006

Eu e Você cada um.

Bom dia queridos amigos.
Que todos tenham um bom domingo e uma ótima semana.
Os dias ficam tão bonitos quando são lavados pela chuva e aquecidos pelo sol.
Grande beijo pra todos.

O MITO DA ALMA GÊMEA
Aristófanes, poeta cômico grego, contemporâneo de Sócrates, afirmou que no começo os homens eram duplos, com duas cabeças, quatro braços e quatro pernas.
Esses seres mitológicos eram chamados de andróginos. Os andróginos podiam ter o mesmo sexo nas duas metades, ou ser homem numa metade e mulher na outra. Bem, isso tudo Aristófanes criou para explicar a origem e a importância do amor.
O mito fala que os andróginos eram muito poderosos e queriam conquistar o Olimpo dos deuses, e para isso construíram uma gigantesca torre.
Os deuses, com o intuito de preservar seu poder, decidiram punir aquelas criaturas orgulhosas dividindo-as em duas, criando, assim, os homens e as mulheres.
Segundo o mito, é por isso que homens e mulheres vagueiam infelizes, desde então, em busca de sua metade perdida. Tentam muitas metades, sem encontrar jamais a certa.
A parte do mito sobre a origem da humanidade perdeu-se ao longo das eras, mas a idéia de que o homem é um ser incompleto, em sua essência, perdura até hoje. Talvez seja em função disso que o ser humano busca, incessantemente, por sua alma gêmea para preencher sua carência afetiva.
Embora o romantismo tenha sustentado esse mito por milênios, e muitos de nós desejemos que exista nossa metade eterna, é preciso refletir sobre isto à luz da razão. Se fôssemos seres incompletos, perderíamos nossa individualidade.
Seríamos um espírito pela metade, e não poderíamos progredir, conquistar virtudes, ser feliz, a menos que nossa outra metade se juntasse a nós. É certo que vamos encontrar muitas pessoas na face da terra com as quais temos muitas coisas em comum, mas são seres inteiros, e não pela metade.
O que ocorre é que, quando convivemos com uma pessoa com a qual temos afinidades, desejamos retê-la para sempre ao nosso lado. Até aí não haveria nenhum inconveniente, mas acontece que geralmente desejamos nos fundir numa só criatura, como os andróginos do mito. E nessa tentativa de fusão é que surge a confusão, pois nenhuma das metades quer abrir mão da sua forma de ser.
Geralmente tentamos moldar o outro ao nosso gosto, violentando-lhe a individualidade. O respeito ao outro, a aceitação da pessoa do jeito que ela é, sem dúvida é a garantia de um bom relacionamento. Assim, a relação entre dois inteiros é bem melhor do que entre duas metades. As diferenças é que dão a tônica dos relacionamentos saudáveis, pois se pensássemos de maneira idêntica à do nosso par, em todos os aspectos, não teríamos uma vida a dois. Pessoas com idéias diferentes têm grande chance de crescimento mútuo, sem que uma queira que o outro se modifique para que se transformem num só.
Assim, vale pensar que embora o romantismo esteja presente em novelas, filmes, peças teatrais, indicando que a felicidade só é possível quando duas metades se fundem, essa não é a realidade. Todos somos espíritos inteiros, a caminho do aperfeiçoamento integral.
Não seria justo que nossos esforços por conquistar virtudes fosse em vão, por depender de outra criatura que não sabemos nem se tem interesse em se aperfeiçoar. Por todas essas razões, acredite que você não precisa de outra metade para ser feliz.
Lute para construir na própria alma um recanto de paz, de alegria, de harmonia e segurança, como espírito inteiro que é. Só assim você terá mais para oferecer a quem quer que encontre pelo caminho, com sua individualidade preservada e com o devido respeito à individualidade do outro. Pense nisso!

Equipe de Redação do Momento Espírita, com base no cap. II, do livro A Filosofia e a Felicidade, de Philippe Van Den Bosch, ed. Martins fontes.

10 comentários:

Beth Boop disse...

Oi,Wana
Há quanto tempo não venho por aqui..e gosto tanto dos seus posts...vc sempre tem uma menagem orimista para nos dar.
Obrigada por estar sempre me visitando.Não deixe nunca de fazê-lo,tá?
Bjs

Antonio disse...

Olá! A mitologia Helênica é muito rica e diversificada! O mais interessante é a mistura com o humano e as suas angustias, o que faz da mitologia grega a mais rica de todas, não é só o sobrenatural que permeia esta vasta mitologia, mas a natureza humana e o seu habitat ligam o sobrenatural e o natural na sua narrativa “estórica” e por que não histórica!
Beijos e uma boa semana!
Em tempo: a minha metade vagueia pelo mundo, me acha! Eeheheheeheh

Lenny disse...

Muito bom o texto. Gostei da parte que diz sobre respeitar a individualidade pra q seja uma boa relação. Acredito nisso filemente aprender e aceitar o outro como e sem querer moldá-lo é o principal passo,mas nem sempre é fácil não é mesmo?
Beijuxxxxxxxxxxx lindona!!!

Águas da Vida disse...

Obrigada querida pela sua gentil visita e parabens pelos excelentes textos aqui disposto.
Um excelente inicio de semana cheio de muita luz e paz.
Big Kiss

Paulo Duarte disse...

Olá minha querida e amada Vana, lindo post. Acho esse tema das almas gêmeas maravilhoso. Bem, só posso dizer que se encontrei a minha ela é casada e acho que jamais poderei ir além de fazer amor com ela eventualmente, mas ultimamente venha pensando que não é ela, espero por outra. Outras vezes penso que é pura mitologia...
Um dia volto a falar mais sobre isso
beijuzzzzzzzzzz

Claudio disse...

Eu vejo também pelo meu lado cientista (maluco).
Somos nós humanos macacos que têm um par de cromossomos a mais apenas.
E vivemos em bando. Criamos grupos. Vivemos em sociedade. Criamos famílias.
Concordo quando diz: "acredite que você não precisa de outra metade para ser feliz".
Mas na minha opinião acredito que temos que estar cercados pela espécie para crescer.
Beijos

Márcia(clarinha) disse...

Eu acredito que tudo que fizermos será por nosso esforço e para nossa satisfação, mas penso que necessitamos do outro para completar a felicidade da realização.
Lindo dia querida Vanninha e feliz semana,
beijosssssssssssss

Márcia(clarinha) disse...

Lindo também pra você querida,
beijosssssssssss

Fatima Gama disse...

Lindo o mito, não conhecia e adoro mitologia! Eu acho que existem pessoas que nos completam mas não uma apenas, ao longo de nossas vidas podemos encontramos algumas, pena que somos seres que como diz o texto temos nossa indidualidade e tudo acaba quando um dos dois se sente agredido, bom seria se levássemos a vida sem grandes preocupações em agradar e ser agradado, viver apenas, tentar ser e fazer o outo feliz sem cobranças. Beijos

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,