terça-feira, abril 24, 2007

Dia novo dia.

Bom dia queridos amigo.

Ainda o mar se nega a levar meu barco a um porto seguro.
Ou sou eu que insisto em não tomar nas mãos o leme?
O mar se nega a entrar em fúria e em sua calmaria
não me leva a lugar nenhum.
Não ir a lugar nenhum não é ruim desde que não se queira
voltar ao lugar de onde precisaste fugir.
Se não se pode seguir viagem, pare até que descubras
uma nova direção.
Um sonho novo nem é preciso, talvez sonhar não ajude
talvez sentir apenas o vento ditando a direção já é suficiente
e assim seguindo, indo, ficando, partindo, recomeçando até
que tudo chegue ao fim e o fim pode ser como acreditamos
o começo da vida verdadeiramente nova.

Queridos que tenhamos um bom dia. Grande beijo pra todos.