quarta-feira, maio 16, 2007

Surpresas e saudades.

Bom dia queridos amigos.
Hoje aconteceu algo inusitado. Comprei uma coisa que nem uso só por que a vendedora pronunciou corretamente a frase que anunciava o produto vendido que no caso era: Duas dúzias de pregadores por um real. rsrs Voltei, falei pra ela que compraria só por ela ter colocado em prática algo que ela aprendeu em algum momento de sua vida escolar.
Um ambulante ouvindo a conversa disse que eu era muito exigente (não foi esse termo usado por ele, mas não lembrei qual foi) então, precisei dizer a ele que eu precisava valorizar minha profissão. São acontecimentos assim que nos levam a crer que nem tudo está perdido.

Mexendo em pastas esquecidas em cima do armário encontrei esse texto escrito por um amigo em março de 1982. Ah, que saudades. Saudades dele, de mim e de tudo que vivíamos naquela época.

Apatia.
Talvez fosse melhor procurar o meu eu,
talvez fosse melhor encontrar-me no tempo,
talvez fosse melhor não esconder-me em meu silêncio.
Silêncio... silêncio...
E a multidão ao meu redor, barulhenta como nunca
e surda para o meu ser.
E os problemas?
Um nada para a multidão, um túnel escuro para o meu ser.
E as soluções?
Ah, esqueci-me: Tudo tem solução.
Mas onde? Em que lugar? Com quem?
Próximo de ti, ao teu redor, em frente de ti? Talvez...!!
Olho ao meu redor: decepção.
O meu silêncio, talvez o pior deles, partia das profundezas
de um ser magoado.
À minha frente, um vasto caminho a procurar,
uma incerteza a cada passo, um sol que tarda a nascer,
uma noite infinita.
Em nada um pouco de tudo e em tudo um pouco de nada.
Oh! vazio profundo, poço sem fundo...
Como posso me sentir assim com tanta gente me querendo tão bem.
Dúvida no ar!!
Será verdade o dia a dia? e a apatia esmagada, viva, sozinha
Mas que diabo de apatia que insiste em ficar, em se fazer presente...
Por quê? ... por quê?
Saberei? ...
Ainda não sei...!!!

Valmir Miranda.
Eu gostei e vocês?

Nessa época tínhamos um grupo muito legal, íamos à escola juntos (às vezes estudávamos rs), freqüentávamos barzinhos, serestas, shows, nos apaixonávamos uns pelos outros e os que viravam casais ou se afastavam ou brigavam o tempo inteiro porque a ciumeira rolava solta já que nós as livres fazíamos questão de dizer que antes de eles serem namorados eles eram nossos amigos irmãos e tinham que cuidar de nós, de não nos abandonar. rsrs Coisas de adolescentes egoístas. rsrs Mas nós éramos boas meninas, só queríamos nos divertir e ser feliz. Acho que no meu caso não mudou muita coisa não. rs
Grande beijo pra todos. Que seja linda, abençoada, divertida e produtiva nossa quinta-feira e maravilhoso nosso fim de semana.

11 comentários:

Claudio disse...

Falar corretamente a nossa língua é importantíssimo. É assim que lutamos pela nossa identidade. (Eu acho)
Muito bom achar nossas memórias esquecidas e trazê-las à tona.
Bjs e um ótimo dia!

Márcia(clarinha) disse...

Bela recompensa vc deu, rsss
Lindos achados, sim, gostei muito, boas lembranças fazem tão bem, né Vanninha querida?
Feliz findi minha flor
beijossssssssss

Fatima Gama disse...

Eu valorizo o bom português, embora eu saiba que ele é muito difícil, tento fazer o meu melhor, há pouco tempo fiz um curso de verão na Estácio, sempre leio apostilas e me esforço bastante rsr.
Às vezes eu também coloco pra fora do armário estas lembranças de quando eu era mais nova, afinal recordar é viver. Gostei do texto sim, só o achei um pouco triste, principalmente na frase "Mas que diabo de apatia que insiste em ficar, em se fazer presente...
Por quê? ... por quê?"
Parece que Vivi não melhorou né?
Bjs e bom fim de semana!

Anônimo disse...

Olá...
Também não falo corretamente, mas já me surpreendi com muitas pessoas simples, falando certinho.
Já percebi em caixas de supermercados, frentistas, faxineiros e até mesmo um mendigo, que me agradeceu uma vez com palavras simples e sem erros de português.
Sem falar da mesma coisa de sempre, as "baixarias" e os "palavrões" estão vindo de cima, dos alto-escalões, como políticos, juízes e desembargadores.
Nesta corja eu não confio.
Legal encontrar este texto, ele é muito legal, gostei.
bjs
beto.

Anônimo disse...

Vivi está quase boa , ainda não poderemos ir na minha sogra amanhã mas acho que até segunda ela estará 100% !!!
Lindo fim de semana para você !
Beijinhos ,
Bel .

Anônimo disse...

Olá...
Ainda estou resfriado...
Vou ver se melhoro logo, odeio gripe !!!
Bjs
beto.

Wilian disse...

Muito legal realmente quando encontramos pessoas que de repente não tiveram muitas oportunidades na vida, mas se esforçam para falar bem e corretamente. Muito legal também encontrar recordações e relembrar os velhos tempos. Grande beijo e um ótimo fim de semana a vc.

o alquimista disse...

Escrevo ficcão e teatro dramático, acho fundamental preservar a nossa lingua...


Os teus pés são navegantes na espuma, o teu cabelo dança em descuidada ironia, suave viagem de ondulante onda em tua boca, duas sílabas sopradas em mágica melodia…

Bom domingo

Doce beijo

Anônimo disse...

Espero que eles fiquem bem logo ! Ela ficou fofa mesmo , a cor realçou os olhos ( o que não dá para ver na foto ! ) .
Quero ter mais um , eu acho , mas não agora pois quero ter certeza que teremos grana para cuidar bem como um filho merece !!! Afinal são tantas dispesas : fraldas , leite , plano de saúde , roupas , escolinha , etc , etc ...
Mesmo assim nunca quis ter um colado ao outro pois quero curtir cada fase de cada um !
Beijinhos,
Bel .

Lenny disse...

ah gostei com certeza eu tbm compraria
q show !! Tbm tenho saudades
dos anos 80
que eu escutava Cindy Lauper e
não me preocupava tanto com a vida!
: )
beijokas linda!!!

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,