quinta-feira, outubro 16, 2008

Recebi, li, gostei e publiquei.

Eu já fiz bola de chiclete e melequei todo o rosto, já conversei com o espelho, e até já brinquei de ser bruxo.
Já quis ser astronauta, violonista, mágico, caçador e trapezista.
Já me escondi atrás da cortina e esqueci os pés pra fora.
Já passei trote por telefone.
Já tomei banho de chuva e acabei me viciando.
Já roubei beijo.
Já confundi sentimentos.
Peguei atalho errado e continuo andando pelo desconhecido.
Já raspei o fundo da panela de arroz carreteiro.
Já tentei esquecer algumas pessoas, mas descobri que essas são as mais difíceis de se esquecer.
Já subi escondido no telhado pra tentar pegar estrelas, já subi em árvore pra roubar fruta, já caí da escada de bunda.
Já fiz juras eternas, já escrevi no muro da escola, já chorei sentado no chão do banheiro, já fugi de casa pra sempre, e voltei no outro instante.
Já corri pra não deixar alguém chorando, já fiquei sozinho no meio de mil pessoas sentindo falta de uma só.
Já vi pôr-do-sol cor-de-rosa e alaranjado, já me joguei na piscina sem vontade de voltar, já bebi uísque até sentir dormentes os meus lábios, já olhei a cidade de cima e mesmo assim não encontrei meu lugar.
Já senti medo do escuro, já tremi de nervoso, já quase morri de amor, mas renasci novamente pra ver o sorriso de alguém especial.
Já acordei no meio da noite e fiquei com medo de levantar.
Já apostei em correr descalço na rua, já gritei de felicidade, já roubei rosas num enorme jardim.
Já me apaixonei e achei que era para sempre, mas sempre era um 'para sempre' pela metade.
Já deitei na grama de madrugada e vi a Lua virar Sol, já chorei por ver amigos partindo, mas descobri que logo chegam novos, e a vida é mesmo um ir e vir sem razão.
Foram tantas coisas feitas, momentos fotografados pelas lentes da emoção, guardados num baú, chamado coração.

Sei que nem tudo eu fiz, mas acredito que teria sido bom se tivesse feito. Que possamos sempre fazer coisas bobas mas que deixam nossos corações e mentes leves.
Grande beijo, e que seja ainda de criança feliz nosso fim de semana

5 comentários:

Lilian Devlin disse...

Oi Vanna,
Eu também recebi esse texto e é realmente muito legal!
E que o seu desejo se torne realidade, porque só mesmo deixando a nossa criança viver, que fazemos da nossa vida de adulto, pessoas mais leves!
Um ótimo fim de semana!
Bjs

BRUNO LEONARDO disse...

Oi,linda
Realmente lindo texto..

Me identifiquei com "já fiquei sozinho no meio de mil pessoas sentindo falta de uma só.

É..é o amor!rssr

beijos

willa Albuquerque disse...

Me identifiquei com muitas frases escritas neste texto. rsrs

ps: você ganhou um Selo, passa lá no meu blog. Parabéns!

Beijos ;*

Patty disse...

Muito legal, querida!

Vanna, mesmo em atraso gostaria de parabenizá-la pelo dia do professor. Sei bem da sua luta para ser uma professora que faz a diferença e tenho certeza que faz sim.

Obrigada pelos votos no dia do meu aniversário. Beijo

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,